Resultado Eleições 2018 Presidente: Apuração dos Votos

O Resultado Eleições 2018 Presidente é o mais esperado de todos os tempos, principalmente neste período de 34 anos de democracia. Todos estão muito ansiosos pelo resultado eleições 2018 Presidente no 1º turno. Fique atento a apuração dos votos no dia 07 e 28.

Quem será o novo Presidente do Brasil nas eleições 2018? Confira tudo sobre o Resultado Eleições 2018 Presidente, candidatos e tudo mais!

A poucos dias de ser decidido quem será o novo ou a nova presidente da República, nada melhor que saber a fundo cada detalhe sobre os candidatos. Afinal, apenas um será o escolhido como o comandante do Brasil no dia 07 de outubro de 2018.

Sendo assim, confira, abaixo, um breve resumo sobre cada candidato à presidência da República, além de detalhes sobre o que dizem as pesquisas eleitorais.

Resultado das Eleições para Presidente 2018 1º Turno

Jair Bolsonaro (PSL) – 46,03%

Fernando Haddad (PT) – 29,28%

Ciro Gomes (PDT) – 12,47%

Geraldo Alckmin PSDB – 4,76%

João Amoêdo NOVO – 2,50%
Cabo Daciolo PATRI – 1,26%
Henrique Meirelles MDB – 1,20%
Marina Silva REDE – 1,00%
Alvaro Dias PODE – 0,80%
Guilherme Boulos PSOL – 0,58%
Vera PSTU – 0,05%
Eymael DC – 0,04%
João Goulart Filho PPL – 0,03%
A decisão será no segundo turno que acontece dia 28 de outubro.

Governadores eleitos Primeiro turno

Goiás

Ronaldo Caiado (DEM)  59,73% d

Tocantins

Mauro Carlesse (PHS) 57 39%

Ceará

Camilo Santana  (PT)  79,95%

Mato Grosso

Mauro Mendes (DEM) 58,69%

Espírito Santo

Renato Casagrande (PSB)  55,49%

Paraíba

João Azevêdo (PSB)  58,18%

Pernambuco

Paulo Câmara (PSB) 50,7%

Maranhão

Flávio Dino (PCdoB) 59,29%

Bahia

Bahia Rui Costa (PT) 75 42%

Piauí

Wellington Dias (PT)  55,64%

Paraná

Ratinho Júnior (PSD) 59,99%

Eleições 2018: Confira qual a ordem de votação na urna eletrônica

ELEIÇÕES 2018 AO VIVO, acompanhe

Eleições 2018 – pesquisa eleitoral

O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 2 pontos, para mais ou para menos.

Pesquisa 04 de outubro – Datafolha

Jair Bolsonaro (PSL): 35%
Fernando Haddad (PT): 22%
Ciro Gomes (PDT): 11%
Geraldo Alckmin (PSDB): 8%
Marina Silva (Rede): 4%
João Amoêdo (Novo): 3%
Alvaro Dias (Podemos): 2%
Henrique Meirelles (MDB): 2%
Cabo Daciolo (Patriota): 1%
Guilherme Boulos (PSOL): 0%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
João Goulart Filho (PPL): 0%
Eymael (DC): 0%
Branco/nulos: 6%
Não sabe/não respondeu: 5%

Pesquisa 02 de outubro – Datafolha

Jair Bolsonaro (PSL): 32%
Fernando Haddad (PT): 21%
Ciro Gomes (PDT): 11%
Geraldo Alckmin (PSDB): 9%
Marina Silva (Rede): 4%
João Amoêdo (Novo): 3%
Henrique Meirelles (MDB): 2%
Alvaro Dias (Podemos): 2%
Cabo Daciolo (Patriota): 2%
Guilherme Boulos (PSOL): 0%
João Goulart Filho (PPL): 0%
Eymael (DC): 0%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
Branco/nulos: 8%
Não sabe/não respondeu: 5%

Rejeição

Confira no gráfico a rejeição dos candidatos e é este fator que provavelmente irá decidir o Resultado Eleições 2018.

 

Pesquisa de 01 de outubro

Pesquisa Ibope/Estado/TV Globo, divulgados na última segunda-feira, 01 de outubro, Jair Bolsonaro segue na liderança, mas o candidato Haddad caiu um ponto percentual em relação a pesquisa anterior (24/09).

Jair Bolsonaro (PSL): 31%
Fernando Haddad (PT): 21%
Ciro Gomes (PDT): 11%
Geraldo Alckmin (PSDB): 8%
Marina Silva (Rede): 4%
João Amoêdo (Novo): 3%
Alvaro Dias (Podemos): 2%
Henrique Meirelles (MDB): 2%
Cabo Daciolo (Patriota): 1%
Guilherme Boulos (PSOL): 0%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
Eymael (DC): 0%
João Goulart Filho (PPL): –
Branco/nulos: 12%
Não sabe/não respondeu: 5%

Em relação ao levantamento anterior do instituto, divulgado na quarta-feira (26):

  • Bolsonaro passou de 27% para 31%;
  • Haddad se manteve com 21%;
  • Ciro oscilou de 12% para 11%;
  • Alckmin se manteve com 8%;
  • Marina foi de 6% para 4%;

Os indecisos foram de 7% para 5% e os brancos ou nulos, de 11% para 12%.

Pesquisa de 24 de setembro

Segundo dados da pesquisa Ibope/Estado/TV Globo, divulgados na última segunda-feira, 24  de setembro, Jair Bolsonaro segue na liderança, porém começa a ser perseguido de perto por Fernando Haddad (PT).

Jair Bolsonaro (PSL): 28%
Fernando Haddad (PT): 22%
Ciro Gomes (PDT): 11%
Geraldo Alckmin (PSDB): 8%
Marina Silva (Rede): 5%
João Amoêdo (Novo): 3%
Alvaro Dias (Podemos): 2%
Henrique Meirelles (MDB): 2%
Guilherme Boulos (PSOL): 1%
Cabo Daciolo (Patriota): 0%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
João Goulart Filho (PPL): 0%
Eymael (DC): 0%
Branco/nulos: 12%
Não sabe/não respondeu: 6%

Pesquisa de Rejeição – Eleições 2018 Presidente

Também é perguntado nas pesquisas, em qual dos candidatos o entrevistado não votaria de modo alguém, pode ser mais de um nome  por isso, os resultados ultrapassam 100%

Confira o percentual de rejeição.

  • Bolsonaro: 44%
  • Haddad: 38%
  • Marina: 25%
  • Alckmin: 19%
  • Ciro: 18%
  • Meirelles: 10%
  • Cabo Daciolo: 10%
  • Eymael: 10%
  • Boulos: 10%
  • Vera: 9%
  • Alvaro Dias: 9%
  • Amoêdo: 8%
  • João Goulart Filho: 7%
  • Poderia votar em todos: 2%
  • Não sabe/não respondeu: 6%

Simulações de segundo turno

  • Ciro 48% x 42% Bolsonaro (branco/nulo: 13%; não sabe: 3%)
  • Alckmin 43% x 42% Bolsonaro (branco/nulo: 17%; não sabe: 3%)
  • Haddad 43% x 44% Bolsonaro (branco/nulo: 14%; não sabe: 3%)
  • Bolsonaro 44% x 38% Marina (branco/nulo: 17%; não sabe: 2%)
  • Alckmin 42% x 38% Haddad (branco/nulo: 17%; não sabe: 3%)

Resultado Eleições 2018 Presidente

Candidatos Eleições 2018 Presidente

Confira quem são ops candidatos as eleições 2018 para Presidente, conheça suas principais propostas e decida quem escolher nestas eleições 2018. Veja no site do TSE o calendário eleitoral.

Fernando Haddad – PT

Fernando Haddad foi prefeito da cidade de São Paulo, ex-ministro dos governos Lula e Dilma, além de ser professor da Universidade de São Paulo (USP). O candidato também é formado em direito e fez mestrado em economia, assim como se tornou doutor em Filosofia pela USP.

Fernando Haddad não é envolvido em nenhum escândalo de corrupção e é candidato indicado por Luiz Inácio Lula da Silva, que está preso em Curitiba após ter sido condenado em segunda instância em decorrência do caso do triplex no Guarujá.

Dentre as suas principais propostas estão à ampliação do Programa de investimentos públicos, fortalecimento dos bancos e empresas do setor econômico, bem como a exploração de petróleo do pré-sal brasileiro.

O candidato também pretende revogar medidas impostas pelo governo Temer, como a Reforma da Presidência e Tributária.

Confira mais sobre o candidato do PT:

  • Presidente: Fernando Haddad – PT;
  • Vice: Manuela D’Ávila – PCdoB;
  • Coligação:  PT – PCdoB – Pros – PCO;
  • Antigos Partidos: nenhum;
  • Nascimento:25/01/1963;
  • Cidade onde nasceu: São Paulo – SP.

Jair Bolsonaro – PSL

Bolsonaro foi capitão da Reserva do Exército e sete vezes eleito Deputado do Rio de Janeiro. O candidato à presidência pelo PSL é formado na Academia Militar das Agulhas Negras e integrou a brigada de Infantaria Paraquedista. O meso formou-se na Escola de Educação Física do Exército.

Em 2003, Jair Bolsonaro se envolveu em um escândalo com a parlamentar Maria do Rosário, em que o presidenciável disse que não a estupraria porque ela não merece (em alusão ao aspecto físico de Maria). A discussão era sobre a maioridade pena durante algumas entrevistas acerca do Caso Liana Friedenbach e Champinha.

Neste contexto, Bolsonaro foi condenado em setembro de 2015, por danos morais.

Em 2017, o candidato afirmou que acabaria com todas as terras indígenas e comunidades quilombolas do país. E ainda disse que foi a um quilombo e que o “afrodescendente mais leve lá pesava sete arrobas”. Por essa declaração, o Ministério Público do Rio de Janeiro fez uma ação civil contra o presidenciável, por danos morais a comunidades quilombolas e ao povo negro.

Dentre suas principais propostas, estão acabar com o Ministério das Cidades e fornecer verba direta para os municípios, mesclar os ministérios da agricultura e meio ambiente, bem como extinguir o ministério da Segurança Pública.

Ele ainda pretende redefinir os direitos humanos, para que os policiais tenham mais proteção. Dificultaria as relações de comércio com a China e aumentaria a parceria com Israel.

O candidato ainda afirma que facilitaria o porte de arma aos brasileiros, levaria o modelo de escola militar para todo país e ainda aprovaria o dispositivo do Excludente de ilicitude, que visa dar cobertura legal às ações de policiais no combate ao crime.

Veja mais sobre Jair Bolsonaro:

  • Vice:Hamilton Mourão – PRTB;
  • Coligação: PSL – PRTB ;
  • Antigos Partidos: PSL, PSC, PP, PFL, PTB, PPB, PPR, PP, PDC;
  • Nascimento: 21/03/1955;
  • Cidade onde nasceu: CAMPINAS / SP.

Marina Silva – REDE

A candidata à presidência Marina Silva já foi Vereadora, Senadora e Ministra do Meio Ambiente durante o governo Lula. A mesma é formada em História pela Universidade Federal do Acre e é especializada em teoria psicanalítica na UnB.

Cabe lembrar que a candidata da REDE não está sendo investigada e nunca foi envolvida em nenhum escândalo que envolvesse sua vida pública na história.

As principais propostas de Marina Silva consistem no plano de retomada econômica com foco nos principais pilares de superávit primário. Ainda assim, a candidata menciona o câmbio flutuante, autonomia para o BC (Banco Central) e regime de metas para a inflação.

No setor educacional, Marina promete investimentos intensivos nos setores de ciência de tecnologia, sempre com foto na inovação. Outras promessas estão ligadas ao não aumento das cargas tributárias, simples tributos, redução na taxa de investimento, mais transparência do governo, e melhor repartição da receita feral.

Veja os dados de Marina Silva:

  • Presidente: Marina Silva – REDE;
  • Vice:Eduardo Jorge – PV;
  • Coligação: REDE e PV;
  • Partidos enteriores: PT, PV, PSB;
  • Nascimento:08/02/1958;
  • Cidade onde nasceu: Rio Branco – Acre.

Geraldo Alckmin – PSDB

Geraldo Alckmin é formado em medicina pela Universidade de Taubaté, bem como especialista em anestesiologia pelo instituto de Assistência Média ao Servidor Público Estadual.

Em São Paulo, o governo do presidenciável está sendo investigado pelo caso chamado de “Merendão”, onde supostamente tenha sido desviados recursos da merenda escolar para o financiamento de campanhas do PSDB.

Alckmin também é acusado por delatores da Operação Lava-Jato por ter recebido contribuição não contabilizada de seu cunhado, além de sustentar o modelo de aliança com empreiteiras.

As principais propostas do candidato consistem na criação de uma Guarda Nacional, feita apenas com homens excludentes do serviço militar obrigatório. Ele ainda pretende aumentar o tempo de internação e menores infratores para oito anos (atualmente está em 3).

O candidato ainda propõe flexibilizar o porte de arma em setores rurais; promete complementar o Bolsa Família, uma vez que políticas voltadas para negros e índicas também sejam criadas.

No quesito econômico, o candidato pretende zerar o déficit primário até 2020, puxando o capital externo e reduzindo isenções de tributos, bem como aumentar os impostos dos mais ricos do país.

Veja mais sobre o presidenciável:

  • Presidente: Geraldo Alckmin – PSDB;
  • Vice: Ana Amélia – PP;
  • Coligação: PSDB – PP – PTB – PSD – SD – PRB – DEM – PPS – PR;
  • Antigos Partidos: PMDB;
  • Nascimento: 07/11/1952
  • Cidade onde nasceu: Pindamonhangaba SP;
  • Histórico e feitos: Prefeito, Deputado, 3x Governador.

Henrique Meirelles – MDB

Henrique Meirelles é formado em engenharia civil pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, fez MBA pelo Instituto de Pós-Graduação e Pesquisa em ADM da Universidade Federal do RJ (COPPEAD). O candidato do MDB foi presidente mundial do BankBoston em 1990 e presidente do BC durante o Governo Lula, assim como Ministro da Fazenda do atual governo Temer.

Henrique Meirelles possui ligação forte com banqueiros e empresários envolvidos em escândalos, como Joesley Batista, por exemplo, investigado ela operação Lava-Jato.

Dentre as principais propostas do candidato, temos investimentos para uma economia fortalecida, aprovação da Reforma da Previdência, redução de custos públicos e controle de inflação.

Ele ainda pretende capitalizar a Caixa sem recursos do FGTS, criar o cartão família, para complementar a renda do brasileiro e a criação de um programa chamado Brasil Integrado, que reduz trajetos e melhora o transporte público do país.

Veja mais sobre Henrique Meirelles:

  • Presidente: Henrique Meirelles – MDB;
  • Vice: Germano Rigotto – MDB;
  • Coligação: MDB – PHS;
  • Antigos Partidos: PSDB, PSD;
  • Nascimento:31/08/1945;
  • Cidade onde nasceu: Anápolis – GO.

Ciro Gomes – PDT

Ciro Gomes é formado em Direito pela Universidade Federal do Ceará, foi

Deputado, Prefeito e Governador do estado do Ceará, bem como Ministro dos Governos Itamar Franco e Lula.

Dentre as suas principais propostas estão a revisão da Reforma da Previdência, revogação da Reforma Trabalhista, assim como a medida de Teto de Gastos Públicos.

Ele ainda defende a tributação sobre lucros e dividendos de acionistas e aumento de impostos sobre os mais ricos. Pretende tirar o nome dos brasileiros do SPC e criar mecanismos para a geração de empregos e renda em todo o país.

Confira mais sobre o candidato do PDT:

  • Presidente: Ciro Gomes – PDT;
  • Vice: Kátia Abreu – PDT;
  • Coligação: PDT e Avante;
  • Antigos Partidos: nenhum;
  • Nascimento: 06/11/1957;
  • Cidade onde nasceu: Pindamonhangaba /SP.

Guilherme Boulos – PSOL

Guilherme Boulos é formado em filosofia pela Universidade de São Paulo, especializado em psicologia clínica pela PUC de SP, bem como possui mestrado em psiquiatria também pela USP. O candidato é líder do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto), além de ser o presidenciável mais jovem da história, com 36 anos.

Em 2017, o candidato do PSOL foi preso acusado por desobediência judicial e incitação á violência durante a ação de reintegração de posse em São Mateus-SP.

Entre as suas propostas, estão às medidas emergenciais de recuperação de emprego e renda, redução da taxa de juros e controle estatal de capitais e câmbio. Ele ainda propõe ampliar o crédito para o povo e pequenos empreendedores.

O candidato ainda pretende reestatizar setores, como telefonia, abastecimento de água, energia e mineração. E ainda, pretende revogar todas as reformas do governo Temer.

Veja mais sobre o candidato do PSOL:

  • Presidente: Guilherme Boulos – PSOL;
  • Vice: Sônia Guajajara – PSOL;
  • Coligação: Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) e PCB;
  • Antigos Partidos: nenhum;
  • Nascimento: 19/06/1982 (36 anos);
  • Cidade onde nasceu:São Paulo – São Paulo.

João  Amoêdo – NOVO

João Amoêdo é empresário e foi gestor do Unibanco e se juntou, posteriormente, ao conselho d Banco Itaú-BBA. Ele também foi colunista do Jornal Folha de S. Paulo. O candidato do partido NOVO é formado em Engenharia pela UFRJ e Administração de Empresas pela PUC do Rio.

As principais propostas do candidato consistem na privatização da Petrobras, Caixa e Banco do Brasil. O mesmo é a favor das reformas, como da Previdência, Trabalhista, e etc.

No quesito segurança pública, João também se declara a favor da flexibilização do armamento para a população, visando o direito dos cidadãos.

Veja mais sobre João Amoêdo:

  • Presidente:João Amoêdo – NOVO;
  • Vice: Christian Lohbauer – NOVO;
  • Coligação: NOVO;
  • Antigos Partidos: nenhum;
  • Nascimento: 22/10/ 1962;
  • Cidade onde nasceu: Rio de Janeiro – RJ.

E este é o resumo dos principais candidatos à presidência da República. Cabe destacar que o voto é secreto e deve ser o mais consciente possível, para que o país tenha em seu comando a pessoa mais coerente, justa e melhor possível.

Aguarde que assim que sair o resultado das eleições 2018 Presidente postaremos aqui, com todas as informações.

Resultado Eleições 2018 Presidente: Apuração dos Votos
4.9 (97.14%) 7 votes

Leave a Reply