Dia após dia aparecem novas “oportunidades” de investimentos com promessas de ganhos incríveis. Entretanto se as pessoas conhecessem o que é CVM e qual o seu papel, talvez teríamos um número menor de pessoas que sofrem golpes. Além disso, entenda por que tem se tornado cada vez mais seguro investir no Brasil. E como evitar fraudes e investimentos enganosos.

Confira tudo a seguir.

O que é CVM :Conheça a Comissão de Valores Mobiliários

Muitas pessoas se quer sabem o que é CVM. A Comissão de Valores Mobiliários existe desde 1976, e foi criada para garantir o desenvolvimento do mercado de valores mobiliários do país. Contudo, apesar de ser uma entidade pública ela é autárquica.

Ou seja, ela tem seu próprio patrimônio e é dirigida de forma autônoma, no entanto é vinculada ao ministério da fazenda. Logo o governo federal não possui direito algum sobre a entidade de forma hierarca, mesmo tendo vínculos.

Você pode gostar de ler também:

Qual o papel da CVM

A instituição é responsável por garantir os direitos dos investidores diante das empresas emissoras. Logo por se tratar de um mercado de renda variável, onde há risco de alta volatilidade. A CVM não protege o investidor de perca de lucro por conta de qualquer alteração de valor no mercado.

Afinal sua função é fiscalizar e garantir de que as regras estão sendo cumpridas. Além de fornecer informações relevantes para que o investidor se sinta seguro na hora de tomar uma decisão.

Então a CVM criou em 1998 o programa de orientação e defesa do investidor, que foi desenvolvido para o atendimento ao cliente. Assim sempre que se se deparar com uma empresa ou investimento suspeito, você pode entrar em contato com Prodin. E se certificar se a empresa é idônea.

Sob sua responsabilidade estão apenas o que é considerado valores mobiliários. Como ações, bônus de subscrição, debêntures, certificados de deposito de valores dentre tantos outros. Além de fiscalizar o mercado de ações ela também visa incentivar a aplicação nas CIA de capital aberto.

o que é cvm

 

Qual a importância da CVM

O grande propósito da entidade é garantir o bom funcionamento do mercado de capitais. Assim a CVM pode nos garantir que investir em instituições realmente seguras e transparentes. Logo a maneira como ela pode fazer isso, é estimulando a competitividade na concorrência das instituições financeiras.

Assim as empresas se esforçam cada vez mais para oferecer melhores serviços e condições aos clientes. O que significa que o cenário tende a ficar cada vez melhor e seguro para os investidores no Brasil.

Logo, a comissão de valores mobiliários visa minimizar as burocracias para quem buscar investir. Então ela viabiliza a entrada de novas empresas que tendem a inovar os processos e tornar tudo mais prático.

Além disso, afim de diminuir o risco de fraudes, através da CVM quaisquer pessoas podem se informar sobre o mercado. Como, consultar em sua plataforma quais empresas estão devidamente regularizadas para cuidar de seus investimentos.

Não abra mão da sua garantia

Como pode perceber a CVM possui um papel muito importante para o desenvolvimento do mercado financeiro. Logo graças à sua supervisão ficará cada mais fácil e seguro de entrar para o mundo dos investimentos. Então se você possuía receio de transferir seu dinheiro do banco para uma corretora, já sabe o quão seguro é agora.

Contudo, não abra mão da segurança que a comissão de valores te oferece. Afinal há muitos investimentos por ai que são na verdade golpes financeiros. Então sempre se certifique de investir apenas em instituições que são regulamentadas pela CVM.

Posto que qualquer outra distribuição de valores mobiliários que não esteja devidamente regulamentada pela CVM é considerada ilegal. Logo qualquer perca que você venha sofrer com esse tipo de investimento não poderá ser reparado.

Então é importante tomar cuidado e sempre denunciar quando suspeitar de alguma fraude. Assim o mercado e a cultura de se investir tendem a melhorar cada vez mais.

Gostou do artigo?

Compartilhe




DEIXE UM COMENTÁRIO