Placa Mercosul Nova 2019: Modelo, como funciona, o que é?

Um ano novo começa, e com ele surge uma dúvida entre os brasileiros: Afinal, precisa ou não ser feita a troca da placa Mercosul nos veículos? Descubra tudo sobre a nova placa nesse artigo.

O novo modelo de placa simples e completo que já começou a ser implantado, promete trazer melhorias a nível tecnológico não só para o trânsito do nosso país, como também nos países do Mercosul.

Após alguns adiamentos, um novo prazo foi estabelecido, junho de 2019.Porém ainda não é obrigatório para todos apenas para carros que realizarem novos emplacamentos. Veja a seguir nesse texto tudo sobre placa Mercosul.

O que é a Placa Mercosul?

É um novo sistema de identificação de veículos que está sendo implantado no Brasil e que nesse momento já se faz presente em outros países-membros do Mercado Comum do Sul (Mercosul), sendo eles, o Uruguai, Paraguai, Argentina, e Venezuela, porém esse último está suspenso.

A decisão da padronização das placas ocorreu em 2010, durante uma reunião em Foz do Iguaçu, entre os, até então, países-membros do Mercosul: Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai. Inicialmente, era previsto o uso para veículos de carga e passageiros até o ano de 2016 e o restante dos veículos, até 2018.

Já com a Argentina entre os países-membros, em 2014 uma nova reunião foi feita em Buenos Aires para apresentar a placa Mercosul. A previsão de implantação das placas aconteceria a partir de 2016, porém essa data varia muito. No Paraguai, por exemplo, o início da implantação está prevista para abril de 2019.

O novo emplacamento que já começou a ser inserido no Brasil, tem como objetivo tornar o trânsito mais seguro, oferecendo maior agilidade na identificação de veículos, assim como ajudar a evitar falsificações de placas e aproveite e confira mais no http://www.serpro.gov.br/.

Quanto custa a nova Placa Mercosul?

O preço do emplacamento Mercosul varia de estado para estado, sendo importante o cidadão consultar o departamento de trânsito de seu respectivo município para obter os valores com precisão.

No estado do RJ, por exemplo, o preço da placa cobrada pelo Detran é de R$ 173,07 para automóveis em geral e R$ 52,98 para motocicletas, lembrado que também é cobrado uma taxa de serviço de R$ 144,68.

Os novos modelos são um pouco mais caros, possuem sistemas de segurança diferenciados, como fosse uma cédula de dinheiro e além disso possuem um chip de informações, por esses motivos os valores são um pouco mais elevados do que as antigas.

No Paraná, as placas atuais custam R$128,49 para os veículos, já em SP, R$128,68.

A razão pelo preço da placa Mercosul não ser mais cara, se dá pela produção em escala nacional, e também por não conter o lacre na placa traseira. No Rio, por exemplo, só o lacre custava cerca de R$ 25,00. O que a torna mais cara que as antigas é o valor do serviço cobrado.

Quando entra em vigor as novas Placas Mercosul?

A implantação das placas em todo país, estava prevista para o final de 2018, porém, o departamento de transito acabou adiando a decisão para 30 de junho de 2019.

Entretanto, a troca para a placa Mercosul está sendo feita de forma gradual. No momento, somente alguns grupos fazem a troca obrigatória das placas, sendo estes:

  • Veículos novos
  • Veículos onde a placa usada não foi aprovada na vistoria, assim como placas ilegíveis, danificadas.
  • Veículos que passaram por mudança de proprietário
  • Veículos que tiveram troca de categoria
  • Veículos que passaram por mudança de município

A troca voluntária também pode ser feita, desde que o estado onde o veículo foi registado já esteja adotando o novo emplacamento. Aos estados que ainda não entraram em vigor, o cidadão deverá aguardar para a realização da troca.

Além do Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Paraná, Rio Grande do Norte, Espírito Santo e Amazonas, já disponibilizaram a colocação das placas.

Modelo de Placa Mercosul

As medidas dos novos moldes Mercosul, são de 13 centímetros de altura por 40 de largura, onde o branco e a faixa azul na parte superior, compõem o fundo da placa, sendo a parte branca composta por marcas d’água.

No canto superior esquerdo, terá o emblema do Mercosul, onde abaixo dele se encontra o QR code. Ao meio, se encontra o nome do país, e no canto superior direito a bandeira do país. Abaixo dela terá a bandeira do estado e o brasão do município onde o veículo foi registrado.

No centro da placa Mercosul há uma combinação de três números e quatro letras, e atrás deles, ondas sinusoidais, que confirmam sua autenticidade. Abaixo da combinação, se encontra o chip da placa. Já o lado esquerdo possui uma faixa holográfica e no canto inferior o distintivo do Brasil.

As cores das combinações não serão só pretas. Elas mudarão de acordo com a categoria do veículo, sendo o vermelho para veículos que são comerciais, o preto para particulares, o azul para oficiais, dourado para diplomáticos, verde para especiais e cinza para colecionadores.

placa mercosul

 Como fazer a nova mudança de Placa Mercosul?

Para os que buscam fazer a mudança voluntária da placa Mercosul, o primeiro passo é se certificar que o município onde o veículo foi registrado está ou não adotando o novo sistema.

Para efetuar a mudança é preciso estar com as documentações em ordem, como pagamento de IPVA, multas vencidas ou a vencer, seguro obrigatório, pagamento das taxas de serviço, e de vistoria, por exemplo.

Com tudo em dia, é preciso agendar o serviço no Portal do Detran de seu estado ou pela Central de Atendimento do mesmo. No dia agendado será feita a vistoria do veículo onde poderá ser liberada a colocação do novo modelo de placa Mercosul.

Para a solicitação da placa é preciso comparecer a um CRVA da sua cidade, onde você deverá encaminhar um processo que confirme a necessidade de ser feita uma placa.

Com a autorização em mãos, os documentos de identificação do veículo o número da sua identidade, é necessário comparecer ao Estampador de Placa de Identificação Veicular (EPIV), e solicitar a produção da placa Mercosul.

Confira:

As motos também terão a Placa Mercosul?

Sim, as motos assim como os carros terão as placas modelo Mercosul e também se enquadram nos grupos de troca obrigatória. As placas das motos apresentam o mesmo padrão das placas de carro, mudando somente o tamanho, que é de 17 cm por 20 de largura.

Diferente do que pensam alguns motociclistas, o chip implantado na placa Mercosul, não será utilizado para fiscalizar o excesso de velocidade. Esse papel continua sendo do radar.

Para que tal coisa venha a ocorrer, mudanças legislativas significativas deverão ser feitas, passando por novas adequações onde não só incluiria o sistema de radar e sim a fiscalização por chips, mas por enquanto, não há previsão de mudanças.

Quais as vantagens da nova Placa?

Uma das vantagens é que precisará pagar pelo lacre, pois a placa Mercosul não possuirá. Ao invés disso, terá um chip e um QR code, que irão facilitar os processos de identificação de veículos.

Uma que esse sistema busca unificar dados de trânsito dos países pertencentes ao Mercosul, será mais fácil identificar veículos roubados assim como os veículos clonados, com auxílio do chip e do QR code.

O chip e o QR code também compartilhará dados com sistemas de cancelas e portões, por exemplo, agilizando processos em estacionamentos e pedágios. A placa também irá oferecer mais combinações do que o modelo antigo, sendo 450 milhões de combinações, contra 175 milhões no sistema atual.

Todos os veículos deverão ter a nova Placa?

Com exceção dos grupos descritos anteriormente, no momento não. Entretanto é esperado que até 31 de dezembro do ano de 2023, todos os veículos possuam os novos emplacamentos Mercosul.

Isso porque as diferentes sequencias de números e letras, exigem que em um determinado momento seja feita a mudança por completo fazendo com que a troca das placas seja uma obrigatoriedade.

Vale lembrar que, apesar de manter o número de caracteres, a sequência alfanumérica das placas Mercosul seguirá uma tabela de conversão onde o número zero corresponde a letra “A”, seguindo sucessivamente até o número 9, que será convertido pela letra “J”. Uma placa MKB 2709, por exemplo, passaria a ser MKB 2H09.

Placa Mercosul Nova 2019: Modelo, como funciona, o que é?
5 (100%) 1 vote[s]


Leave a Reply