Como Calcular Fuso Horário? Conheça o cálculo de fuso horário e entenda!

Como calcular fuso horário? Sabe como se faz isso? Aposto que não! Mas não é só você que não sabe, duvido que conheça alguém que saiba.

Então que tal começar a entender como calcular fuso horário? Vamos lá, então.

Fusos Horários, o que são?

Os fusos horários são medidos em GMT (Greenwich Mean Time), cujo significado em português é Tempo Médio de Greenwich. Portanto, é comum ver em relógios ou até mesmo no celular o fuso horário da localidade seguido pela sigla GMT, como, por exemplo, -3GMT, que, no caso, é o fuso horário de Brasília.

A divisão dos fusos horários é formada por 24 partes, que são divididas entre o globo terrestre. Cada parte possui 15º de longitude e equivale à uma hora. Conforme nos deslocamos entre essas partes, o fuso horário muda.

No entanto, dependendo para qual lado nos deslocarmos, temos que aumentar ou diminuir o valor dos horários.

Isso acontece porque o planeta tem um formato geoide e é dividido em 360º, portanto, 180º fica para o hemisfério oeste e os outros 180º para o leste. À medida que nos deslocarmos para o oeste da terra, temos que diminuir as horas e para o leste temos que aumentar.

O ponto que separa um hemisfério do outro, conhecido como marco zero, fica localizado no Meridiano de Greenwich, em Londres. É chamado de marco zero justamente por conta de sua longitude, que é 0° 0′ 0″ E/W.

Portanto, os países que ficam no ocidente do planeta possuem o sinal negativo, que indica a diminuição das horas. Já os países que ficam no oriente, têm o sinal positivo, indicando o aumento do fuso horário.

Como calcular fuso horário

Como calcular fuso horário?

Para calcular de forma correta um fuso horário de um determinado lugar é preciso seguir alguns passos:

1º passo: somando os fusos horários

Primeiramente é preciso identificar o fuso de destino e o de origem. Se uma pessoa encontra-se na cidade de São Paulo (cujo fuso horário é o mesmo de Brasília, -3GMT), às 9h da manhã e precisa contatar uma conhecido do Japão, no fuso 9GMT – perceba que não se usa sinal negativo quando se trata de países orientais – que horas esse conhecido atenderá a ligação?

Para obter o resultado é preciso subtrair o fuso da cidade de destino pelo da cidade onde a ligação está sendo feita. Se o cálculo for entre lados opostos, como leste e oeste, precisam ser apenas somados:

9GMT – (-3GMT) = 12GMT

Tendo isso em vista, basta adicionar uma hora para cada número do fuso, ou seja, a diferença entre São Paulo e Japão é de 12 horas. Portanto, se a ligação foi feita às 9h da manhã, a outra pessoa atenderá às 21h.

Simples este calculo o fuso horário, não?

2º passo: obtendo o horário pela longitude

Agora, a questão é um pouco mais complicada. O exercício consiste em descobrir um horário exato, sem saber os fusos horários, apenas com a longitude de cada localidade.

Exemplo: uma pessoa mora na Itália, localizada à 15º ao leste do meridiano de Greenwich e precisa viajar para o Brasil, que fica à 45º de longitude a oeste do marco zero. Sendo que ela sairá às 15h do país italiano e terá um tempo de viagem de 11 horas, que horas essa pessoa chegará ao Brasil?

Para obter o resultado de cada fuso horário, será preciso dividir o valor de cada longitude por 15, ou seja:

15º ÷ 15 = 1GMT

-45º ÷ 15 = -3GMT

Prontinho! Agora, é só seguir o mesmo passo do primeiro exemplo e subtrair os dois valores:

-3GMT – 1GMT = -4GMT

Veja que agora o sinal do fuso horário é negativo, portanto, a diferença é de 4 horas.

Sendo assim, para saber o horário que a pessoa chegará ao Brasil, basta realizar o seguinte cálculo:

15h (horário de saída do voo) – 4h (diferença entre os fusos) + 11h (tempo de viagem) = 22h.

Ou seja, essa pessoa chegou ao Brasil às 22h, no horário de Brasília.

Dica:

No caso de uma prova ou algum teste, o indivíduo que for realizar o cálculo deve ficar atento a alguns pontos, como horário de verão, que existe em vários locais do mundo.

Quantos fusos horários existem no Brasil

Ao se falar no assunto de como calcular fuso horário, seria impossível não se falar nos fusos horários do Brasil, um país de tamanho continental, com 200 milhões de habitantes, 27 estados e uma área de 8.516.000 km².

O Brasil tem 4 fusos horários todos a oeste do meridiano de Greenwich (longitude 0 grau).

Em cada faixa de 15 graus entre pares de meridianos, ocorre a variação de uma hora. Isso significa que o horário oficial no Brasil varia de duas a cinco horas a menos, em relação ao tempo universal coordenado (UTC).

  1. O primeiro fuso (longitude 30° O) tem duas horas a menos que o UTC.
  2. O segundo (45° O) tem três horas a menos, e é a hora oficial do Brasil.
  3. O terceiro fuso (longitude 60° O) tem quatro horas a menos.
  4. O quarto fuso horário (75° O) tem cinco horas a menos em relação a Greenwich e duas horas em relação ao horário de Brasília, aumentando para três horas durante o horário de verão.
Como Calcular Fuso Horário? Conheça o cálculo de fuso horário e entenda!
5 (100%) 2 votes

Leave a Reply