Se você já pensou fazer um empréstimo ou financiamento ouviu falar em CET. Mas você realmente sabe o que é o Custo Efetivo Total? Continue lendo e descubra.

Quando alguém faz um serviço de financiamento ou empréstimo, pode se deparar com a sigla CET. Algumas pessoas ainda têm dúvidas de como isso realmente funciona e de como calcular.

Ao longo do artigo iremos falar mais a fundo acerca do CET e tirar todas as suas dúvidas. Além de informar o que realmente é, iremos esclarecer as dúvidas de como funciona e como é feito o cálculo.

O que é Custo Efetivo Total- CET?

O Custo Efetivo Total (CET) nada mais é do que a informação que o cliente recebe sobre as despesas. Informação essa relacionada ao serviço de financiamento ou empréstimo que deseja executar. Hoje em dia é obrigatório que todas as instituições financeiras apresentem em custo.

Esse serviço faz o cálculo das despesas que irão ser pagas pelo cliente ao contratar determinada instituição. Mas ao contrário do que muita gente pensa, o valor final não é apenas da tarifa de juros.

Além dessa taxa, são adicionados alguns outros elementos ao cálculo do custo efetivo. Esses elementos são outras despesas introduzidas nas operações financeiras da instituição. Esses elementos podem ser:

  • Tarifas (detalhadas e descriminadas)
  • Tributos IOF (Imposto sobre operação Financeira)
  • Seguros no geral
  • Despesas com cartório
  • Taxa de abertura do crédito
  • Pagamentos de serviços de terceiros
  • Taxa administrativa cobrada pelo banco
  • TAC (Tarifa da Abertura do Cadastro)
  • Taxa de manutenção de cadastro
  • Outras despesas relacionadas à operação

O CET é responsável por fazer o cálculo de todos esses elementos. No final dará o valor que será pago pelo cliente para a prestação do serviço. Esse valor será uma percentagem anual que ele irá ter de pagar.

Além de pessoas físicas, esse cálculo pode ser executado por outros. Microempresas e empresas de porte pequeno, também devem fazer uso do cálculo. Esse cálculo tem como principal objetivo ajudar todos eles na escolha da melhor instituição para o seu financiamento.

Confira:

Como funciona o Custo Efetivo Total

Por juntar vários elementos no cálculo de CET, não basta avaliar apenas a tarifa de juros da instituição. Por vezes, uma instituição com a tarifa de juros maior pode ser a melhor opção.

Quando pensa fazer algum serviço de financiamento ou empréstimo, é necessário que tenha em atenção os seguintes aspectos:

  • Fazer pesquisas iguais. Isto é, sempre pesquise os mesmos valores e prazos em diferentes instituições
  • Quando faz essa pesquisa consegue descobrir qual a melhor
  • Por as empresas terem políticas diferentes, existem valores de tarifas que possam ser diferentes

Portanto, sempre é necessário que se faça uma boa pesquisa. Além de descobrir qual a instituição que melhor se encaixa no seu orçamento, irá conseguir fazer a escolha apropriada.

Enquanto faz a pesquisa acerca de qual instituição é a melhor opção, tem outros aspetos a ter em consideração:

  • A tarifa de juros não é o custo do empréstimo. As instituições acrescentam outras despesas ao custo do empréstimo então não deve achar que pagará apenas essa taxa
  • Existem outros encargos. Além da tarifa de juros, existem outros encargos que são adicionadas ao contrato
  • O custo efetivo engloba quais queres despesas das operações de empréstimos
  • O resultado do cálculo é uma percentagem anual ou mensal. É essa a percentagem que irá ser paga pelo cliente
  • Diferentes instituições cobram diferentes valores de despesas e taxas

CET

Quais instituições o Custo Efetivo Total se aplica

O CET se aplica as sociedades de arrendamento mercantil e a todas as instituições financeiras. Além disso, todas as instituições têm a obrigação de informal o valor ao cliente mesmo quando não pedido.

Essa obrigatoriedade surgiu em 2008, apenas um ano depois do serviço ter sido criado.

O Conselho Monetário Nacional (CMN) foi quem o declarou. Também será necessário informal o valor do custo nas operações de crédito rural. Essa lei entrará em vigor apartir de 1 de julho de 2019.

Antes não era necessário informar esse valor das operações de crédito rural pois este possuia caracteísticas diferentes. Essas características diferentes iam desde a equalização até às tarifas bem definidas.

Como o cliente utiliza o CET

O CET tem como principal objetivo fazer com que o cliente faça a melhor escolha. Escolha essa que será relativa à proposta de financiamento ou empréstimo para determinada finalidade.

Através desta operação, o consumidor irá conseguir comparar as melhores oferendas de crédito. Com o cálculo executado, o cliente terá mais facilidade em saber o valor final que terá de ser pago.

A grande vantagem que o consumidor possui em fazer o custo é que poderá questionar os custos no contrato. Assim, irá ser mais fácil descobrir caso a instituição inclua algum custo que era desnecessário.

Além de tudo isso, o cliente nunca deverá fechar um contrato sem antes fazer todos os cálculos. Pois é através desses cálculos que ele irá saber qual a melhor instituição para o seu trabalho.

Como o Custo Efetivo Total deve ser informado ao cliente

Por ser obrigatório todas as empresas informarem ao cliente o CET, deve ser provida uma planilha para calcular o custo. Essa planilha deve ser encontrada no contrato proveniente da empresa.

Além disso, é necessário também que se encontrem presentes nos informes publicitários. Esses informes são operações destinadas essencialmente a aquisições de bens e serviços. No entanto, apenas é necessário quando ocorrerem ofertas específicas.

Como é calculado o CET?

O CET é o somatório de todas as despesas no contrato de alguma empresa. Esse cálculo é realizado através de uma equação. O custo do CET será uma percentagem anual que o cliente terá de pagar.

No cálculo é necessário que o consumidor informe os seguintes aspetos:

  • Qual o valor do financiamento
  • Quantas são as prestações
  • Qual o custo da prestação já com os juros incluidos
  • Qual a provável data de fechamento do contrato
  • Qual o prazo da primeira parcela

Existem ainda simuladores online onde pode fazer o cálculo do CET. Esse simuladore pode ser encontrado clicando aqui.




DEIXE UM COMENTÁRIO