Confira o Calendário INSS 2019, datas de pagamento, tabela e tudo mais.  Antes mesmo do ano iniciar, o Governo Federal já disponibiliza o calendário INSS 2019 para que os aposentados e pensionistas possam saber as datas para recebimento dos seus pagamentos.

No Brasil há quase  34 milhões de aposentados e pensionistas do INSS – Instituto Nacional do Seguro Social já podem conferir a data de pagamento do seu benefício durante o ano de 2019.

Como de costume, os depósitos seguirão a mesma sequência de anos anteriores.

Para aqueles que recebem um salário mínimo, os pagamentos referentes a janeiro serão feitos entre os dias 25 de janeiro e 7 de fevereiro. Os segurados com renda mensal acima do piso nacional terão seus pagamentos creditados a partir de 1º de fevereiro.

A orientação do INSS é que os segurados fiquem atentos: a data de depósito dos proventos depende do número final do cartão de benefício, sem considerar o último dígito verificador, que aparece depois do traço.

Quem pode receber?

Os valores repassados pelo INSS serão destinados para aqueles que contribuíram de forma regular para Previdência Social.
As contribuições acontecem da seguinte forma: O trabalhador registrado no regime CLT (Carteira assinada) terão os descontos de acordo com o salário recebido.

Os descontos poderão variar entre 8% e 20% (20% empresas). Esses valores já são descontados de forma automática sem que o trabalhador necessite efetuar o pagamento mensal através de talões.

Tabelas de contribuição mensal INSS 2019

Tabela para Empregado, Empregado Doméstico e Trabalhador Avulso 2019
Salário de Contribuição (R$) Alíquota
Até R$ 1.751,81 8%
De R$ 1.751,82 a R$ 2.919,72 9%
De R$ 2.919,73 até R$ 5.839,45 11%

 

Tabela para Contribuinte Individual e Facultativo 2019
Salário de Contribuição (R$) Alíquota Valor
R$ 998,00 5% (não dá direito a Aposentadoria por Tempo de Contribuição e Certidão de Tempo de Contribuição)* R$ 49,90
R$ 998,00 11% (não dá direito a Aposentadoria por Tempo de Contribuição e Certidão de Tempo de Contribuição)** R$ 109,78
R$ 998,00 até R$  5.839,45 20% Entre R$ 199,60 (salário mínimo) e R$ 1.167,89 (teto)

*Alíquota exclusiva do Facultativo Baixa Renda;
**Alíquota exclusiva do Plano Simplificado de Previdência;

Em caso de trabalhador autônomo, é necessário que o mesmo vá até a Previdência Social e solicite as guias de pagamento. Esses trabalhadores terão os mesmo direitos do que os trabalhadores de empresa privada ou pública.

Veja também:

Calendário INSS 2019 – Tabela de pagamento

O Calendário INSS 2019 já está disponível para todos os beneficiários efetuar a consulta de acordo com o seu número final da inscrição do benefício e pela quantidade de valores. O Calendário INSS 2019 está dividido em duas partes: Pagamento para beneficiário de até 1 salário mínimo e para aqueles que recebem acima de 1 salário mínimo).

Calendário INSS 2019
Pagamento INSS 2019

 

O calendário vem seguindo a sua ordem de pagamento como de outros anos. Em caso de dúvidas o trabalhador poderá acessar o site da Previdência Social (www.previdencia.gov.br) Ou ir em uma das agências mais próximas, portando um documento com foto original (RG, Carteira de trabalho ou de motorista, passaporte).

O teto dos benefícios pagos pelo INSS é de R$  5.839,45 em 2019, uma aumento de 3,43%, de acordo com INPC

Quem pode se aposentar?

Esse provavelmente é um dos desejos de muitos trabalhadores que já estão trabalhando há anos. Em alguns casos, a aposentadoria pode chegar mais rápido do que esperado, em outros, a espera pode ser longa e passar dos 30 anos.

Aposentadoria para homens:

Vale ressaltar que o trabalhador só poderá se aposentar se estiver regularizado com a Previdência Social (ter as contribuições em dias).

Os trabalhadores do sexo masculino poderão solicitar a aposentadoria após 35 anos de contribuição ou 180 meses de contribuição e 65 anos de idade.

Aposentadoria para mulheres:

A aposentadoria para mulheres exige um pouco menos, pois é necessário ter no mínimo 30 anos de contribuição ou 180 meses de contribuição e 60 anos de idade.

Esses são os requisitos básicos para se aposentar, em casos especiais podem existir outras variáveis a depender da profissão do trabalhador ou em casos de acidente, o que é chamado de aposentadoria por invalidez.

Como saber se o patrão está fazendo os depósitos do INSS

Em diversos casos o trabalhador fica impossibilitado de se aposentar por falta de compromisso da empresa. O papel de depósito desses valores é do empregador e é direito do trabalhador.

Para verificar se os depósitos do INSS estão em dias, basta acessar o site da Previdência Social e efetuar um rápido cadastro para verificar os extratos de pagamento mensal (http://www.previdencia.gov.br/servicos-ao-cidadao/todos-os-servicos/cnis/).

É necessário ter o número do PIS/NIT/PASEP e a senha deverá ser cadastrada em uma das agências da Previdência Social, mediante à agendamento através do número 135.

Clientes banco do Brasil e Caixa Econômica poderão verificar através do Internet Banking ou nos caixas eletrônicos da empresa.




Tags

DEIXE UM COMENTÁRIO