Cálculo INSS empregada doméstica

Cálculo INSS doméstica – O ano de 2015 está sendo um ano histórico para as empregadas domésticas, uma vez que a categoria conseguiu mudanças e melhorias que regulam e legalizam o seu trabalho. O texto que regulamenta a emenda constitucional que amplia os direitos das empregadas domésticas, conhecida como “PEC das Domésticas”, foi publicado no “Diário Oficial da União”.

Apesar de algumas mudanças a lei já garantia direito a pelo menos um salário mínimo ao mês; INSS empregada doméstica; um dia de repouso remunerado (folga) por semana, preferencialmente aos domingos; férias anuais remuneradas; 13º salário; aposentadoria; irredutibilidade dos salários (eles não podem ter o salário reduzido, a não ser que isso seja acordado em convenções ou acordos coletivos); licença-gestante; licença-paternidade; e aviso prévio.

Esse artigo tem por objetivo mostrar o cálculo INSS doméstica.

Cálculo INSS doméstica

Cálculo INSS doméstica

O empregador recolhe 8% do salário para o cálculo INSS doméstica, incluindo os adicionais do mês (como horas extras e adicional noturno). Do empregado é deduzido um percentual que varia entre 8% e 11%, dependendo do valor da remuneração.

Salário Recolhimento

– até R$ 1.399,12 (8%)

– de R$ 1.399,13 até R$ 2.331,88 (9%)

– de R$ 2.331,89 até R$ 4.663,75 (11%)

Para o cálculo INSS doméstica, basta multiplicar o salário bruto pela alíquota de sua faixa de renda.

Por exemplo: Um trabalhador que recebe R$ 1.700,00 de salário bruto, pela tabela do INSS 2015 ele está na faixa que compreende R$ 1.399,12 a R$ 2.331,88, portanto a alíquota de desconto é de 9%, o valor total será de R$ 1.700,00 X 9% = R$ 153,00.

Saiba também:

Tabela INSS empregada doméstica

Tabela INSS empregada doméstica

Como pagar o INSS da empregada doméstica?

Depois de assinar a Carteira de Trabalho e Previdência Social do empregado doméstico, o patrão deverá fazer inscrição do trabalhador na Previdência Social pela Internet ou em uma agência do INSS. Para fazer a inscrição é preciso apresentar a carteira de trabalho do empregado com o registro, documentos pessoais do trabalhador e do empregador.

Há duas maneiras de pagar o INSS da empregada doméstica:

Com carnê pronto

1 – O empregador pode comprar um carnê pronto, à venda em papelarias.

2 – É preciso discriminar os dados pessoais do empregado, o valor da contribuição e o código 1600 (para trabalhadores domésticos).

3 – O pagamento é feito em agências bancárias

Via internet

1 – Entre no site da Previdência Social. Clique na opção de emissão da guia para contribuintes filiados a partir de 1999.

2 – Preencha os dados solicitados e clique em “Calcular contribuição”.

3 – Imprima a guia e pague na rede bancária.

Calculo INSS doméstica

A empregada doméstica, como todo trabalhador, tem direito a benefícios tais como o INSS empregada doméstica. Através desse artigo fica simples entender qual o percentual a ser recolhido para o cálculo INSS doméstica bem como saber quais as formas de pagar o INSS.

Cálculo INSS empregada doméstica
3.8 (75%) 4 vote[s]


Comments (2)

  1. rosalina

Leave a Reply