Cálculo da Tabela Fipe – Como são cotados os valores de veículos?

O momento de comprar um veículo é especial para cada pessoa. Muitos passam meses pesquisando preços, modelos e oportunidades do mercado. E quando chega o momento de executar a transação, sempre vem aquela dúvida: qual o valor justo? Para isso, o cálculo da Tabela Fipe é muito importante e um dos mais utilizados no Brasil.

Tanto pessoas que estão vendendo seus veículos quanto empresas especializadas no segmento, utilizam o cálculo da Fipe como um preço médio do carro. Obviamente, existem variações e hoje você entenderá quais são as principais características para avaliar e entenderá como é feita a cotação da Tabela Fipe.

Veja agora todas as informações sobre como fazer o Cálculo da Tabela Fipe!

Saiba como fazer estes cálculos:

O que é a tabela Fipe?

Você já notou que o preço médio dos carros usados é parecido (em modelos iguais)? Pois é, isso ocorre pela influência de empresas como a Fipe, que fazem cotações conforme o mercado. É preciso entender que a relação de procura e oferta é fundamental neste quesito.

Kombis dos anos 70, por exemplo, que são veículos que comparados a tecnologia e conforto atuais, seriam considerados de baixa qualidade, tiveram uma valorização maior que o ouro nos últimos dez anos. Isso ocorre pela escassez destes modelos no mercado.

Cálculo da Tabela Fipe

Para carros convencionais, essa relação não é tão intensa. Normalmente, estão disponíveis no mercado, no entanto sua procura vai influenciar no valor. Quanto mais procurado o carro, maior seu valor. Além disso, características fundamentais como ar-condicionado, direção hidráulica e outros fatores serão levados em consideração.

Se é um carro resistente, a tendência é que o valor tenha maior estabilidade. Carros que são fracassos comerciais, costumam ter preços com quedas mais drásticas com o passar do tempo.

O que empresas como a Fipe fazem é levantar essa série de características e calcular um valor de depreciação em relação ao preço e data original. Em termos gerais, a tabela Fipe é um grande arquivo com todos os modelos do mercado e seus preços sugeridos.

Como é feito o cálculo da Tabela Fipe?

O cálculo é complexo e executado conforme os padrões da Fipe. O raciocínio é de analisar o preço original do carro (valor do veículo novo). Esse valor pode ser atual ou em relação a data do fim da fabricação. Com isso, é feito um cálculo aproximado da depreciação em relação ao tempo.

É importante o comprador entender um fato sobre veículos: Após a compra, nas primeiras voltas, o veículo já estará com valor inferior ao da venda, mesmo que seja praticamente original. Ao usar o veículo, você já inicia o processo de depreciação.

O cálculo da Fipe será um valor aproximado. Ou seja: se você encontrar um modelo que goste e verificar que é um carro muito conservado, com poucos km rodados e ótimas condições, poderá investir um pouco mais do que a Fipe. Num exemplo contrário, de um veículo muito depreciado, poderá argumentar que serão necessárias manutenções e o valor deve ser abaixo ao utilizado pela Fipe.

Ao entregar seu carro usado na compra de um novo, também é interessante negociar com as concessionárias um valor aproximado ao da Fipe, que normalmente é um preço justo para a troca de veículos.

Vídeo Preço Médio do Veículo

Gostou das nossas informações sobre o cálculo da tabela Fipe? Então compartilhe nas suas redes sociais.

Cálculo da Tabela Fipe – Como são cotados os valores de veículos?
5 (100%) 3 votes


Leave a Reply